ler mais...
20 Setembro 2009

Mudam os governos, mudam as administrações, muda a actualidade, os críticos passam a defensores e os defensores a críticos. Na RTP, ao fim de quatro anos, muda (ou pode mudar) tudo. Menos uma coisa: as suspeitas de que a estação faz favores aos titulares do regime. Esteja no poder o PS ou o PSD, a insinuação volta sempre: a RTP defende o governo.

Mas nunca, naturalmente, é o Conselho de Redacção a sugeri-lo. “Naturalmente”? Sim, “naturalmente”: muito dramática teria de ser a situação para serem os próprios jornalistas a acusarem os jornalistas (a acusarem os colegas e a acusarem-se a si próprios) de favorecimento ao regime. Era preciso, talvez, que as suspeitas fossem um pouco mais do que suspeitas.
Pois esse é o único raciocínio ao dispor de quem lê o comunicado emitido esta semana pelo Conselho de Redacção da RTP/Açores. Ao longo de vários parágrafos, os jornalistas-eleitos-pelos-jornalistas elogiam umas e condenam outras decisões da direcção de informação. Pelo meio, lá vem a palavra: “censura”. Há ou não censura quando uns programas são tão obviamente negligenciados em relação a outros? E há ou não censura quando as reportagens que chegam a Lisboa, via “Notícias do Atlântico” (RTPN), protegem tão cabalmente os titulares do regime açoriano e as suas empresas de mão (como a SATA)?
O Departamento de Informação diz que não. Mas, entretanto, é objecto de perguntas e de comunicados que em Lisboa, apesar das polémicas, ninguém ousa fazer.

CRÓNICA DE TV ("Crónica TV"). Diário de Notícias, 20 de Setembro de 2009

publicado por JN às 23:01

pesquisar neste blog
 
joel neto

Joel Neto nasceu em Angra do Heroísmo, em 1974. Publicou “O Terceiro Servo” (romance, 2000), "O Citroën Que Escrevia Novelas Mexicanas” (contos, 2002), “Al-Jazeera, Meu Amor” (crónicas, 2003) e “José Mourinho, O Vencedor” (biografia, 2004). Está traduzido em Inglaterra e na Polónia, editado no Brasil e representado em antologias em Espanha, Itália e Brasil, para além de Portugal. Jornalista, tem trabalhado... (saber mais)
nas redes sociais

livros

"O Terceiro Servo",
ROMANCE,
Editorial Presença,
2000
saber mais...


"O Citroën Que Escrevia
Novelas Mexicanas",
CONTOS,
Editorial Presença,
2002
saber mais...


"Al-Jazeera, Meu Amor",
CRÓNICAS,
Editorial Prefácio
2003
saber mais...


"José Mourinho, O Vencedor",
BIOGRAFIA,
Publicaçõets Dom Quixote,
2004
saber mais...


"Todos Nascemos Benfiquistas
(Mas Depois Alguns Crescem)",
CRÓNICAS,
Esfera dos Livros,
2007
saber mais...


"Crónica de Ouro
do Futebol Português",
OBRA COLECTIVA,
Círculo de Leitores,
2008
saber mais...

arquivos
2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D